Óleos Macerados

Por  | 0 Comentários

Óleos Macerados

Este método é indicado para flores, como a maravilha e o hiperição. É um processo lento, em que as flores e o óleo são metidos num pote ou boião e aí deixados durante várias semanas, após o que o óleo é reutilizado com ervas frescas para extrair o máximo possível de ingredientes activos das plantas. Os óleos macerados usam-se  em massagens ou como base de pomadas e unguentos- ver abaixo as plantas aromáticas vulgarmente usadas deste modo.

  • Encher completamente um boião grande com ervas e cobrir com óleo. Pôr a tampa e deixar no parapeito duma janela onde bata o sol ou numa estufa durante 2 ou 3 semanas.
  • Deitar a mistura num saco de pano fino que se prende à boca dum jarro com um cordel ou um elástico ou utilizar um saco de musselina e um espremedor de uvas.
  • Espremer o óleo através do saco. Repetir as operações 1 e 2 , com novas ervas e o óleo já macerado. Após algumas semanas, espremer novamente e deitar nos frascos para guardar, com o auxílio dum funil, se necessário.

Equipamento:

  • Grande boião com tampa de enroscar. Saco de pano e cordel ou saco de musselina e espremedor de uvas. Jarro grande. Frascos de vidro escuros, esterilizados e que fechem hermeticamente. Funil ( Facultativo)

Partes Usadas:

  • Aéreas e flores, frescas ou secas.

Quantidades Normais:

  • Quantidades duplas de ervas frescas ou secas suficientes para encherem um boião, e cerca de 1 litro de óleo macerado de açafroa ou de noz ( a quantidade depende do tamanho do boião).

Conservação:

  • Guardar em frascos de vidro escuro, esterilizados e que fechem hermeticamente, longe da luz directa, até um ano.

Ervas adequadas: As plantas aromáticas utilizadas para fazer óleos macerados incluem:

  • Melilito ( seco) para eczema varicoso.
  • Maravilha ( pétalas frescas ou secas ) para esfoladelas, eczema seco e infecções por fungos, como aftas e pé-de-atleta.
  • Hiperição ( topos em flor) para queimaduras solares, outras queimaduras menores, esfoladelas e articulações inflamadas.

 

 




A Medicina Alternativa, como é o caso da utilização de Plantas Medicinais, Remédios Naturais, Curas Caseiras, entre outras terapias alternativas têm cada vez mais confirmado a sua segurança e eficácia...

    Leave a Reply

    Your email address will not be published. Required fields are marked *